Bem-Vindos! Welcome!

Este é um espaço com impressões sobre montanhismo, escalada, performance esportiva, qualidade de vida, educação, viagens e outras paixões que, desde muito cedo, alimentam minha alma.

Aqui, apresento de forma descontraída, vivências e conquistas, curiosidades e bobagens.

Obrigada pela visita e fique à vontade.

"Diga-me e eu esquecerei. Mostre-me e me lembrarei. Envolva-me e eu compreenderei." (Confúcio)

terça-feira, 1 de novembro de 2016

Escalada Esporte OLÍMPICO e DECA campeã Brasileira de Escalada

Olá pessoal!

O ano passou voando, e felizmente, foi recheado de conquistas positivas!

Tenho compartilhado vivências no meu Instagram através de fotos (perfil: @climberjancardoso), e trabalhado com muita empolgação  na ABEE - Associação Brasileira de Escalada Esportiva!


Independente da conquista para nosso esporte como modalidade olímpica, a vontade de  conectar os apaixonados pelo Brasil para otimizar a organização no Brasil continua crescendo! 


Imagine agora que temos esse reconhecimento olímpico, após tanto tempo (mais de 20 anos) escutando tanta gente dentro do montanhismo, descrente de que a escalada esportiva fosse um caminho virtuoso, ou questionando sobre a paixão de alguns escaladores em viverem a escalada como um esporte, como atletas. 


Sempre pratiquei diversos esportes desde muito pequena, com o mesmo empenho e vontade de me superar em jogos, campeonatos, festivais,  e a paixão em viver essa superação na  escalada esportiva foi fulminante... . 


Felizmente, lá em 1993, quando comecei a escalar, a escalada no Brasil já contava  com eventos de competição, super saudáveis para mente, para o corpo e para o universo social.

 

Hoje, chegamos a um patamar histórico e marcante com a realidade de ter nosso esporte nas Olimpíadas de Tokyo 2020. 
GRatidão ao universo, e principalmente ao IFSC - Federação Internacional de Escalada Esportiva, que  trabalhou duro para organizar a escalada esportiva a nivel mundial. 

Ao mesmo tempo que tivemos essa notícia incrível em agosto de 2016, no mesmo mês conquistei o DECA CAMPEONATO brasileiro de EScalada Esportiva .

Muito intenso para mim esse ano de 2016! 

Foi impressionante também acompanhar o atleta mineiro Jean Ouriques vencer também na modalidade dificuldade (já havia vencido em boulder), sendo sem dúvida, um dos atletas mais completos do momento no cenário de escalada de competição nacional. 
Confira ranking completo em : www.abee.net.br

Sobre as conquistas na rocha, elas seguem firme, com muita paixão! Alguns meses antes, já com 42 anos de idade, realizei o a via mais difícil da minha carreira - a POLTERGEIST- 8b Francês histórico localizado na Serra do Cipó. 

Após essas duas conquistas como atleta de competição e escaladora em rocha, fui com meu parceiro de vida e escalada Massa, competir no Mundial de Escalada em Paris, com ares de despedida do cenário de escalada  de competição pairando no ar.... 

Lá, senti um ótimo condicionamento ao escalar a primeira via da fase classificatória, mas cometi um erro na segunda via, bem dura!

Sinto que foi uma despedida do cenário de competições internacionais por me sentir mais atraída em projetos na rocha, após tanto tempo me dedicando ao cenário de competição como atleta. 

Contudo, eu amo treinar, sempre fica aquela vontadezinha de competir mais um pouco... rs... 
Além disso, todo atleta sempre pensa em tentar uma vaga para as Olimpíadas, mas  a realidade é que  em 2019, quando devem ocorrer as seletivas para as Olimpíadas, estarei com 45 anos, e acredito ser muito difícil chegar num nível olímpico com essa idade, ainda mais considerando o panorama da escalada esportiva na América do Sul comparado a países da América do Norte como Canadá e Estados Unidos, com quem o Brasil deve brigar por uma vaga. 

Mas tudo isso são apenas pensamentos. O que vai ser, o tempo vai dizer. Só teremos certeza sobre o formato de seletivas e vagas após  o IFSC  anunciar , o que acontecerá oficialmente somente em 2017.

De qualquer forma, no próximo ano, para evolução nacional, o Brasil precisa estar cada vez mais presente em eventos internacionais como circuito da Copa do Mundo ´para entender o estilo e se acostumar com a pancadaria sem 'perder a mão' desse cenário super alto nível. Isso é vital para que o Brasil tenha chances nas seletivas continentais para tentar vaga nas Olimpíadas!

No mundial 2016, fiquei muito feliz em poder acompanhar a atleta Camila Macedo competindo pela primeira vez em boulder no mundial. Muita emoção! A Camila é uma atleta casca grossa, tem muito potencial, e para uma primeira participação mundial, foi incrivelmente bem!

Parabéns Cami!


No masculino, o atleta Pedro Nicoloso do Rio Grande do Sul também representou muito bem mais uma vez, adquirindo um pouco mais de experiência para o Brasil!!! 

Parabéns, guerreiro!!!


Para as seletivas, precisamos de atletas que tenham desempenho forte em pelo menos duas modalidades  -boulder e dificuldade. 

Atualmente, ao lado de  atletas como Jean Ouriques, Thais Makino, Felipe Ho, Jonas Leffeck   temos muito trabalho para evoluir para dar tudo nas Seletivas. 


FOUNTAINEBLEAU E KALYMNOS 2016

Após mais uma vivência como atleta muito enriquecedora no mundial, eu e Massa vivemos uma semana de escalada dos sonhos em FontaineBleau, escalando boulderes - confira videos no instagram: @massarockclimber!


Para fechar com chave de ouro o mÊs de setembro na Europa, retornei a Kalymnos, como lua de mel perfeita de escalada!!!

 

Para mim, , #kalymnos é um dos lugares mais incríveis de escalada esporiva no mundo, não só pela qualidade da escalada e estilo no qual me adapto muito bem, como pela beleza e conjunto da obra!!!


As grandes cadenas da trip foram as vias Aegialis, 9a, uma das linhas mais clássicas do pico, a cadena de segunda entrada da via Zawinul Syndicate, 9b, e a cadena à vista da espetacular via Priapos (9aBr). 

Confira mais fotos e atualizações no instagram: https://www.instagram.com/climberjancardoso/?hl=pt-b

r


Em outubro e novembro, sigo trabalhando muito, principalmente para formatar os trabalhos para 2017 na ABEE. 

Confira nota oficial bem detalhada na home da Associação, com  atualizações sobre a organização do esporte :  www.abee.net.b


PERSONAL DE ESCALADA
Além disso, após essa fase de muito treino e viagens, desde outubro de 2016 estou à disposição para oferecer AULAS DE ESCALADA nos períodos da tarde e da noite para nível intermediário  em São Paulo, com aulas  sendo ministradas, a princípio, no ginásio 90 Graus, na Zona Sul de São Paulo.  

Quem tiver interesse, só entrar em contato para agendamento através do email: janinefmcardoso@gmail.com

Para mim, é um grande prazer transmitir meus conhecimentos e estudos como atleta, ajudar pessoas que queiram se dedicar para evoluir no esporte com saúde. 

Vamos nessa!!!

Ótimas escaladas a todos e até breve!
Janine


... "Superfície azul do céu, asas em curva de dores, Fernão Capelo levanta e voa, porque voar é importante, mais que comer e viver.

Caro é pensar diferente, viver em infinitos, voar dias inteiros só aprendendo a voar. Gaivota que se preza tem de sentir as estrelas, analisar paraísos, conquistar múltiplos espaços.

Gaivota que se preza precisa buscar perfeição. Importante é olhar de frente, em uma, em dez, cem mil vidas.

... nada é limite: voa, treina, aprende, paira sobre o comum do viver.

Se o destino é o infinito, o caminho é nas alturas!"

(Fernão Capelo Gaivota)

------------------------------------------------------

"Time stand still... I'm not looking back, but I want to look around me now, see more of the people and the places that surround me now...Time stand still...Freeze this moment a little bit longer, Make each sensation a little bit stronger, Experience slips away...The innocence slips away..."

(Rush and Climbing - since 1993)

National Geographic POD