Bem-Vindos! Welcome!

Este é um espaço com impressões sobre montanhismo, escalada, performance esportiva, qualidade de vida, educação, viagens e outras paixões que, desde muito cedo, alimentam minha alma.

Aqui, apresento de forma descontraída, vivências e conquistas, curiosidades e bobagens. Obrigada pela visita!

Contato profissional para:
- Consultoria e Treinamento para Escalada Esportiva
- Modelo / Dublê de Escalada
- Jornalista Esportiva
email: janinefmcardoso@gmail.com


"Diga-me e eu esquecerei. Mostre-me e me lembrarei. Envolva-me e eu compreenderei." (Confúcio)

domingo, 21 de dezembro de 2008

Bem-aventurados pelo mundo...


Olás!

A idéia do 'Crepúsculo', exposta no post anterior, concretizou-se este final de semana, em todas as suas interpretações...

Aproveito para agradecer o envio da linda fotografia publicada acima, realizada pelo companheiro Rasta, em Santa Bárbara, Califórnia. Obrigada!

Quanto ao filme que leva o nome de tal fenômeno, apesar de teenager e um tanto quanto místico, ele agrada... Positivo não só pela fotografia, como pelo belíssimo ator principal que nos leva rapidinho ao topo das montanhas com seus poderes sobre-naturais...

Na vida real, subindo paredes e em destaque como entrevistada na edição de janeiro de 2009 da revista Climbing, está a escaladora americana Steph Davis, que escala torres do deserto em Arches (Moab) e big walls em Yosemite.

A bem-aventurada escolheu Moab (Utah, EUA) para morar, esquece da vida escalando por lá no inverno e desloca-se para Rifle (Colorado) no verão.

Ainda neste inverno americano, Steph tem planos de escalar em Indian Creek, e fará uma rápida viagem no fim de janeiro à Itália, para acompanhar o lançamento de seu livro traduzido para o italiano, no Lecco Film Festival.

Tenho que concordar com a americana sobre a falésia de Rifle e o Parque de Arches - pontos maravilhosos que fazem valer a pena a trajetória, unindo beleza natural e escalada ao mesmo tempo.

Já Lecco é uma cidade no norte da Itália, onde tive a oportunidade de participar de uma competição em 2002... Eu diria que foi um momento marcante na minha vida de escaldora, afinal de contas não é sempre que se torce o cotovelo caindo de um boulder em um campeonato mundial! hehe.... Mesmo assim, tenho ótimas lembranças da cidade e da viagem, mesmo com o bracitcho engessado!

De volta à Steph, a escaladora diz acordar todo dia às 5:00 da matina e ir dormir às 8:30 da noite´realizando um trabalho naturalmente 'iluminado'. Esta é, sem dúvida, uma ótima forma de economizar luz elétrica! Vou considerar a possibilidade futuramente...rs rs

Confira a entrevista com fotos em: www.climbing.com/community/perspective/steph_davis_the_interview/

Falando em viajar, vamos de Vangelis, com uma das trilhas do inesquecível filme Blade Runner.

Me controlei para não postar a 'love-theme' e escolhi um clipezinho com aquela cena de ação do Harisson Ford 'escalando'... hehe!
Viagem merecida para o final de ano.


Boas festas e muita paz a todos em 2009.

2 comentários:

plinio disse...

Ola Janine. Sou o Preto, o RASTA de Brasilia. Escalamos junots em Ouro Preto e em Ubatuba no festival desse ano. Muito legal o blog.
Eu acho que o crepusculo tambem representa a presenca de algo maior (DEUS pra mim). Que nos faz agradecer a cada momento vivido e ter certza que somos abencoados. Atualmente estou nos EUA e aqui presenciei um momento inesquecivel, um espledoroso crepusculo (por-do-sol). Me fez lembrar varios momentos e agradecer cada momento da minha vida.
Feliz Natal e um Ano de 2009 cheio de escaladas e realizacoes. Espero escalarmos juntos de novo so vibracoes positivas.
Preto.
vou te manda a foto por email.

Ana Luisa disse...

" como pelo belíssimo ator principal que nos leva rapidinho ao topo das montanhas com seus poderes sobre-naturais...". Nem me fale!!! Hahaha, eu adorei o filme!!!

... "Superfície azul do céu, asas em curva de dores, Fernão Capelo levanta e voa, porque voar é importante, mais que comer e viver.

Caro é pensar diferente, viver em infinitos, voar dias inteiros só aprendendo a voar. Gaivota que se preza tem de sentir as estrelas, analisar paraísos, conquistar múltiplos espaços.

Gaivota que se preza precisa buscar perfeição. Importante é olhar de frente, em uma, em dez, cem mil vidas.

... nada é limite: voa, treina, aprende, paira sobre o comum do viver.

Se o destino é o infinito, o caminho é nas alturas!"

(Fernão Capelo Gaivota)

------------------------------------------------------

"Time stand still... I'm not looking back, but I want to look around me now, see more of the people and the places that surround me now...Time stand still...Freeze this moment a little bit longer, Make each sensation a little bit stronger, Experience slips away...The innocence slips away..."

(Rush and Climbing - since 1993)

Ocorreu um erro neste gadget